Chinese (Simplified)EnglishPortugueseSpanish

FIQUE POR DENTRO

Com 3.700 contêineres retidos, terminais já operam no limite

A greve dos fiscais da Vigilância Agropecuária elevou para 3.700 o número de contêineres retidos no Porto de Santos ontem, informou o Sindicato das Agências de Navegação Marítima do Estado de São Paulo (Sindamar). Até sábado último havia mil unidades paradas no porto.
Conforme levantamento realizado pela Associação Brasileira de Terminais e Recintos Alfandegados (Abtra), os terminais já trabalham no limite da capacidade, com 90% de ocupação.
‘‘Se a greve continuar na próxima semana, estaremos caminhando para o caos logístico’’, advertiu o vice-presidente do Sindamar, José Roque.
Os servidores agropecuários são essenciais para liberar cargas de origem animal e vegetal, nas duas mãos do comércio exterior. O maior impacto de seu movimento, porém, é sentido entre as mercadorias descarregadas. De acordo com os últimos números do Sindicato das Agências de Navegação, são 2 mil contêineres de importação e outros 1.700 cofres de exportação parados no complexo.

Fonte: A Tribuna – Santos