Chinese (Simplified)EnglishPortugueseSpanish

FIQUE POR DENTRO

Missão anti-corrupção fica para 2007

Uma relatora especial das Nações Unidas para combate à corrupção que planejava realizar uma missão ao Brasil em junho deste ano para examinar o fenômeno no país, disse que foi “aconselhada” pela diplomacia brasileira a só fazer isso depois de outubro. É nesse mês que haverá eleição presidencial. Trata-se da relatora Christy Mbonu, que prepara um relatório abordando o impacto das várias dimensões da corrupção sobre os direitos dos cidadãos, a ser submetido à Subcomissão para Promoção e Proteção dos Direitos Humanos da ONU. Para isso, ela submeteu aos países um questionário indagando o que as leis nacionais definem como corrupção e quais as sanções, nos últimos dois a três anos, para práticas como suborno em compras governamentais e transgressão no financiamento de partidos políticos, entre outras. A relatora informou à subcomissão que pretende realizar missões especificamente ao Brasil e China, a exemplo do que já fez no Quênia e também na Nigéria, seu país de origem e reputado como um dos mais corruptos do planeta.

Fonte: Valor Econômico