Chinese (Simplified)EnglishPortugueseSpanish

FIQUE POR DENTRO

Importações devem crescer num ritmo maior no próximo ano

Economistas e especialistas em comércio exterior começam a consolidar as perspectivas para a balança comercial em 2006 e muitos reconhecem que estão repetindo as mesmas estimativas feitas no final de 2004 para este ano. Mas, dizem, desta vez deverá ser diferente.
“Este ano todo mundo errou. A expansão das importações num ritmo mais acelerado do que o das exportações era a única certeza do início do ano e não ocorreu. Erraremos de novo caso ocorra em 2006 novos aumentos dos preços internacionais das commodities – o que é pouco provável – e que os manufaturados, bens sensíveis a câmbio que até hoje mantêm o fôlego, novamente não atingissem um ponto de saturação”, diz o vice-presidente executivo da AEB – Associação de Comércio Exterior do Brasil, José Augusto de Castro.

Fonte: Gazeta Mercantil