Chinese (Simplified)EnglishPortugueseSpanish

FIQUE POR DENTRO

Exportador adia contratos à espera da desvalorização

O ano de 2006 não será tão farto para as exportações como está sendo este ano. Está é a conclusão de várias entidades representativas de comércio exterior, empresas exportadoras e especialistas na área, que estão começando a fazer suas projeções para o próximo ano. O principal motivo é que a desvalorização do dólar está dificultando a renovação dos contratos de exportação. Tradicionalmente em outubro as empresas iniciam suas projeções para investimento no ano seguinte. Desta vez, elas estão adiando ao máximo tomar qualquer decisão que envolva o mercado externo na expectativa de uma mudança de cenário. Entre outras palavras, na esperança de uma desvalorização do real frente ao dólar.
“Todos estão fazendo a revisão da revisão. Investir no mercado externo está muito ruim nestas circunstâncias”, destacou o presidente da AEB – Associação de Comércio Exterior, José Augusto de Castro. “Não há segurança para tomar nenhuma decisão. As empresas estão perdidas com a falta de um cenário seguro e isso cria para 2006 um cenário de incerteza”, completou.

Fonte: Diário do Comércio e Indústria