Chinese (Simplified)EnglishPortugueseSpanish

FIQUE POR DENTRO

Economista preconiza o controle da taxa de câmbio

A economia brasileira tem condições de crescer mais do que as projeções indicam. A maneira de se conseguir este resultado seria adotar uma política de administração da taxa de câmbio e de defesa dos interesses do País. “O PIB potencial de 5% reflete um crescimento abaixo do que poderia ser”, afirmou o economista Luiz Carlos Bresser-Pereira durante o 5 Fórum de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV).
A posição de Bresser-Pereira é contrária à dos que defendem a flutuação do câmbio. “Isto não resolve”, assinala. O economista acredita que a taxa deve ser administrada e situada em patamar que assegure competitividade para empresas que representem o “estado da arte” da indústria. “O crescimento do PIB pode ser 50% mais alto”, sem produzir pressões inflacionárias.

Fonte: Gazeta Mercantil